Revista

37

1 Agosto 2022

Edição de Sofia Batalha

Ficha Técnica

Os artigos são da inteira responsabilidade do autor.

EDITOR

Sofia Batalha

DESIGN E PaGINAÇÃO

Sofia Batalha e Maria Trincão Maia

revisão

Margarida Trincão e Quelinha Caetano

crédito das fotos

Unsplash.com e fotografias dos autores 

Tecer em Relação

Nesta edição sentimos através das fronteiras, passagens, penhascos, membranas e separações. Como podemos tecer em relação, responsável, diversa e profunda. Como podemos, em compromisso, ouvir de novo as nuances e paradoxos. Os que gritam e irritam. Os que nos fazem recuar, mas também as ambiguidades que nos atraem e puxam. Para isso expressamo-nos em várias tonalidades, puxando diferentes camadas das ricas realidades que nos compões e que compomos.

Teremos a coragem de ouvir realmente?

A Soleira da Porta

Mizé Jacinto

Sempre vivi na soleira da porta, à espera do futuro, e desde cedo desenterrando o passado, faminta de uma outra vida, seguindo o rasto daquele cheiro que me fazia percorrer distâncias infinitas, dentro de mim, sempre dentro de mim, porque o muro alto que cercava a família, a aldeia, o país acabado de sair de uma ditadura, de uma guerra, e tantas vezes da fome, estava lá, sempre lá, num olhar que me congelava, nas palavras que cortavam e desfaziam as cores em pedaços, na ausência da esperança que não fosse a de ter um bom trabalho, uma casa e uma família.

A sociedade do excesso num corpo que pede subtração

Diana Santos e João Carqueijó

Na alegoria da caverna, Platão fala de um grupo de prisioneiros que apenas conhecem como sua realidade uma variedade de sombras distorcidas projetadas nas paredes da gruta. Assim somos nós, na nossa maioria, e na maioria dos nossos momentos: falsamente conectados às realidades dos nossos corpos, da existência dos outros e dos lugares…

Mudança de percepção sobre o nosso lugar na teia das coisas

Parte III – Sofia Batalha

Um dos enormes desafios modernos é trabalhar segundo o pensamento binário, hierárquico e absolutista. O redutor pensamento binário faz-nos ignorar a delicada e subtil energia selvagem e paradoxal, sendo tão certa como errada. O absolutismo exige uma (não duas, apenas uma) resposta final absoluta, tendo muita dificuldade em trabalhar com a impermanência, a ambiguidade ou os paradoxos.

Outros Artigos e Colunas desta Edição

Artigo

MARIA TRINCÃO MAIA

Coluna

ÉLIA GONÇALVES

Coluna

IRIS LICAN GARCIA

Coluna

INÊS PECEGUINA

Coluna

ANA ALPANDE

Coluna

MARISTELA BARENCO

Coluna

ANA SEVINATE

Coluna

JORGE MOREIRA

Sofia Batalha

Sofia Batalha

Fundadora e Editora da Revista

Mamífera, autora, mulher-mãe, tecelã de perguntas e desmanteladora o capitalismo-global-colonial-tecnológico um dia de cada vez. Desajeitada poetiza de prosas, sem conhecimentos gramaticais. Peregrina pelas paisagens interiores e exteriores, recordando práticas antigas terrestres, em presença radical, escuta activa, ecopsicologia, arte, êxtase, e escrita.
Honor hystera. Re-member. Response-ability. (un)Learn together.


Autora de oito livros e editora da revista online Vento e Águapodcast Re-membrar os Ossos e Conversas D'Além Mar.

Há duas formas de aceder aos conteúdos:

Registar-se gratuitamente e ver alguns dos conteúdos gratuitos ou subscrever para aceder a todos os conteúdos.

Há dois níveis de subscrição da revista online:
SUBSCRIÇÃO BASE que lhe dá acesso a todos os artigos e colunas, e a SUBSCRIÇÃO EXTRA que lhe dá acesso aos artigos e colunas de cada edição assim como a todos os conteúdos extra organicamente disponibilizados pelos autores.

Se já tem o seu registo ou subscrição basta fazer login abaixo.

subscrições – ASSINATURAS PAGAS DA REVISTA ONLINE

Aceda a todos os conteúdos

Subscreva a nossa Newsletter